Número total de visualizações de página

24/09/12

um regresso ...

 
 
E se as palavras se fizessem ouvir , hoje eu podia ter-te aqui , podia fazer-te companhia numa conversa a dois , ou então partilhar apenas um silêncio que iriamos completar com olhares . Eu queria acordar com um amor novo , um amor que valesse a pena , que me desse uma felicidade extrema , mas que fosse uma felicidade duradoura e que acima de tudo não magoa-se na despedida.
Um amor que me salva-se mesmo sem que eu gritasse por socorro , um amor que não iria ferir mas sim completar o que alguém um dia deixou incompleto , um amor em que o principe e a princesa sempre ficam juntos .
Adormecer nos teus braços poderia ser confortável , ouvir a tua respiração ofegante superior à minha , seria como a meia noite em Paris , só quem lá está sabe o quanto deslumbrante é .
 
para aquele que será sempre importante, ss.

Sem comentários:

Enviar um comentário

«chorar rios, sorrir mares.»
a escrita mantém-me viva ...