Número total de visualizações de página

12/04/11

12-04-2011 :p

Catarina Isabel Inácio Ramos
Por momentos parecia que eramos crianças outravez, parecia que eramos o livres . Ninguém estava lá, estavamos só as duas, ninguém nos mandava fazer nada, faziamos apenas o que nos vinha à cabeça, ninguem gritava connosco, ouviamos apenas as nossas voses, ninguem nos dizia o caminho a seguir, caminhavamos apenas sem rumo (...) Sabes, por momentos, parecia que tinha dado uma volta de 180º, estava feliz, livre, radiante, parecia que tudo era quando eramos crianças ! As ruas pareciam não ter fim, ouvia-se os nosso risos, as nossas palavras, as nossas gargalhadas, ouvia-se o nosso coração a bater cada vez mais feliz, cada vez mais depressa !
Obrigada por hoje me teres feito sentir isto ! Tinha Saudades disto !

Sem comentários:

Enviar um comentário

«chorar rios, sorrir mares.»
a escrita mantém-me viva ...